HÁ 50 ANOS – Acontecimentos de Jan 63

03/01/63 – Em entrevista ao New York Times, o presidente João Goulart diz que o povo brasileiro inicia o ano “confiante no futuro e no fortalecimento dos ideais democráticos e da solidariedade americana”.

04/01/63 – Em entrevista à rádio Globo, no Rio, o Primeiro Ministro Hermes Lima afirma que “as relações com os Estados Unidos são o melhor patrimônio da política externa brasileira”.

                  Em discurso para as classes produtoras, o governador Carlos Lacerda diz-se disposto a estabelecer “entendimentos de alto nível com autoridades federais”.

                  Greve de oficiais e comissários da Marinha Mercante dura 15 dias, mas Ministro da Guerra classifica movimento de “inexpressivo”.

05/01/63 – Em entrevista à imprensa Adauto Lúcio Cardos denuncia “a campanha violenta de Leonel Brizola contra o Congresso Nacional, visando uma ditadura”.

                  O jornal “A Noite”, do Rio de janeiro, publica que centenas de funcionários públicos da União estão ganhando menos que o salário-mínimo decretado pelo governo para as empresas particulares.

01 - Jan

06/01/63 – O Parlamentarismo é derrotado em eleições plebiscitárias livres em todo o País.

11/01/63 – Em Recife, o IV Exército denuncia “clima de terror” em todo o Nordeste, provocado pelas Ligas Camponesas.

14/01/63 – Partido Social Democrata apresenta fórmula que revoga imediatamente o Ato Adicional, contrariando o que previa a Emenda Valadares.

15/01/63 – Entra em vigor uma das primeiras medidas da política monetária do Plano Trienal: a Instrução 234, da SUMOC.


Sede Central
Av. Rio Branco 251 - Centro
Rio de Janeiro/RJ - Tel.: (21) 3125-8383
Sede Lagoa
Rua Jardim Botânico 391 - Jrd. Botânico
Rio de Janeiro/RJ - Tel.: (21) 2197-8888
Sede Cabo Frio
Av. dos Astros 291 - Praia do Foguete
Cabo Frio/RJ - Tel.: (22) 2643-3537

Slider by webdesign