CAMPANHA

selecionada.

Campanha pela Moralidade Nacional

Campanha pela Moralidade Nacional

No início deste ano, analisando a Conjuntura Nacional, pudemos constatar que passávamos por um período difícil. Na busca de entender as causas dos desacertos iniciamos um estudo dos problemas e detectamos, entre outros, os seguintes, que persistem nos dias de hoje:

- Corrupção

A mídia divulga diariamente os mais diversos casos de corrupção, destacando-se o “mensalão”, “petrolão”, dentre outros.

Estes casos são a ponta do iceberg. Existem outros que surgirão e aqueles que acontecem no dia a dia, que por serem de menor monta, nem noticiados são, como um guarda municipal que pede uma “gorjeta” para não confiscar a mercadoria de um camelo ou um motorista que oferece “uma cerveja” para o guarda de trânsito não o multar, após um avanço de sinal.

- Imediatismo

Nos relacionamentos observamos que os interesses pessoais, quase invariavelmente, sobrepujam os interesses coletivos.

Quando atingimos o nível dos dirigentes da Nação constatamos que aqueles que deveriam legislar e governar em prol do desenvolvimento e do futuro do Brasil deixam de tomar medidas “antipáticas”, mas necessárias, para que não se tornem impopulares e consigam novo mandato nas próximas eleições.

- Os fins justificando os meios

Motoristas ultrapassando pelo acostamento para chegarem na frente dos demais; compra de produtos piratas, alimentando a informalidade e a não arrecadação de impostos para gastar menos, etc...

No meio político, tendo por objetivo a perpetuação no poder, realizam quaisquer tipos de ações visando angariar fundos para financiar as caríssimas campanhas eleitorais e divulgam à população situações irreais, além de realizarem promessas que eles mesmos sabem impossíveis de cumprir.

- Acirramento de antagonismos

Negros contra brancos, gays contra heterossexuais, índios contra os colonizadores do País, mulheres contra homens, empregados contra patrões, etc..., tudo com interesses escusos, visando dividir para conquistar.

Estas ações podem ser exemplificadas pela criação de cotas nas universidades, no emprego público e onde mais possam ser criadas, por mais absurdas que sejam; pelo financiamento público das marchas de GLBTS; pela aceitação, se não incentivo, às invasões de terras produtivas por aqueles que não as possuem.

- Imposição do politicamente correto

A mudança de nomes, como por exemplo, de favela para comunidade, sem que nada de concreto seja realizado para mudar a situação dos moradores desta região.

A implicância normal entre crianças e adolescentes, passou a ser “bulling” com penalizações previstas em lei;

Será que a simples mudança do nome resolverá todos os problemas sociais existentes?

- Desvalorização dos feitos de nossos antepassados

Um país sem tradições e heróis nacionais é em país sem história, fácil de ser manipulado e guiado de acordo com os interesses do presente.

Não dar o devido crédito aos heróis nacionais como Caxias, Tamandaré, Osório, Rio Branco, Rui Barbosa e tantos outros; não dar crédito à princesa Isabel pela abolição da escravatura, preferindo tratar como herói a Zumbi dos Palmares.

Estes posicionamentos me parecem um despropósito, com segundas intenções inconfessáveis.

- Tentativa de mudança do passado recente do País

Denegrir a imagem dos presidentes que em 21 anos investiram pesado em obras de infraestrutura (Itaipú, Tucuruí, Ilha Solteira, Sobradinho, EMBRATEL, TELEBRAS, Angra I e II, EMBRAER, ponte Rio-Niterói, ELETROBRAS, indústria naval...) alavancando o progresso e o desenvolvimento nacional e levando nossa economia à posição de 8ª do mundo, para valorizar àqueles que, neste mesmo período, simplesmente advogavam a implantação de um regime comunista em nosso país, como Carlos Mariguela, Lamarca e outros.

O que ensinam aos estudantes de todos os níveis nas escolas, quer públicas quer privadas, vai ao encontro da aniquilação da história nacional para possibilitar mudanças radicais, aceitas pela população que desconhece o passado glorioso do Brasil.

Estes foram os problemas levantados.

Sabendo-se que “Moral é o conjunto de regras adquiridas através da cultura, da educação, da tradição e do cotidiano, que orientam o comportamento humano dentro de uma sociedade”, verificamos que passamos por uma enorme Crise Moral.

Ciente desta situação o Clube Militar que, ao longo de seus 126 anos de existência, sempre lutou pelos interesses nacionais, como na “Campanha Abolicionista”, na “Proclamação da República, na campanha “O Petróleo é Nosso” e mais recentemente no “Movimento Democrático de 31 de Março”, resolveu se engajar para buscar corroborar os problemas levantados e buscar soluções que, a curto e médio prazo, restabeleça os mais caros valores da nossa sociedade, decidiu lançar a “Campanha pela Moralidade Nacional”.

Para tal idealizou solicitar a pessoas reconhecidas em suas áreas de atuação que escrevessem textos sobre a Moralidade e indicassem caminhos para reverter a atual situação, difundindo estes trabalhos para os nossos sócios, nas redes sociais, para aqueles que aderissem à Campanha e para a imprensa, de forma a termos o maior número possível de pessoas engajadas na busca da solução de nossa “Crise Moral”.

Podemos considerar que a aceitação à nossa proposta foi muito boa, uma vez que, entre março e agosto de 2015, recebemos e divulgamos 44 textos. Confira abaixo todos os textos:

 

 

Título

 

Autor

E-book "Por um país melhor"

Campanha da Moralidade Nacional - Lançamento

Gen Gilberto Pimentel
 

1. A moralidade Pública e a Estrutura da Política

James Akel
 

2. Desafios do Congresso

Ana Amélia

3. Que país é esse?

Fernando Gabeira
 

4. Moralidade e Omissão na Gestão da Coisa Pública

Ives Gandra Martins
 

5. Um Retrocesso do Humanismo Jurídico

Monica Paraguassú
 

6. O Fim da Moralidade

Heitor De Paola
 

7. O Braço Forte e a Mão Amiga... Esperança do Brasil

Paulo Cesar de Castro
 

8. A Contrarrevolução de 2015 e a Reforma Moral do Brasil

João Ricardo Moderno
 

9. O Maior de Todos os Escândalos

Luís Mauro Ferreira Gomes
 

10. Comissão da Verdade. Mais um Embuste da Esquerda

Luiz Roberto Sabbato
 

11. A Verdade Necessária Sobre as Violações de Direitos Humanos e a CNV

Reis Friede
 

12. Uma Sociedade Moralmente Sedentária

Percival Puggina

13. A Destruição da Pátria

Aristóteles Drummond
 

14. O Papel, a Sobrevivência e o Privilégio das Lideranças Políticas

Luiz Felizardo Barroso
 

15. Moralidade: Qual, como, por quê e para quê?

Sérgio Paulo Muniz Costa
 

16. A Nossa Morada

Marcelo Crivella
 

17. Ordem e Progresso?

Eliéser Girão Monteiro Filho
 

18. República, Capitalismo e Comunismo

Armando Bartolomeu de Souza e Silva Filho
 

19. Podridão Nos Alicerces da Estrutura Estatal

Manuel Cambeses Júnior 
 

20. Moralidade e Políticas de Educação

Raphael De Paola
21. A Moral e a Ética na Pátria Educadora Paulo Frederico Soriano Dobbin
22. A Virada do Brasil à Beira do Abismo Luiz Cruz, Hudson Coelho, e Bartolomeu Filho
 

23. Moral e Ética

 

Clovis Purper Bandeira

 

24. O Resgate do Brasil Ética e Moral, Pilares Básicos da Sociedade Nacional

Sergio Tasso Vásquez de Aquino
 

25. Moralidade - Ações por um Brasil Digno e Democrático

Carlos Oscar Cruz Ferreira
26. Por um Brasil Revestido de Moralidade Sérgio Martins Vieira
 

27. Lei Moral, Liberdade e História– Tripé da Grandeza

Luiz Eduardo Rocha Paiva
 

28. O Quinto Elemento

Vinicio Tomei
 

29. O Mentiroso Discurso Comunista

Juan Y. Koffler A.
 

30. Sugerindo Caminhos

Maria Elena Dal Belo
 

31. “Mais Médicos”

Francisco Américo Fernandes Neto
 

32. Precisamos Nos Unir Ainda Mais

Reinaldo Leal
 

33. Campanha da Moralidade

Ricardo Veiga Cabral
 

34. Uma Questão de Hábito

Eliéser Girão Monteiro Filho
 

35. Família x Pátria Educadora

Mônica Torres
 

36. A Consciência Política e a Cidadania

Armando Bartolomeu de Souza e Silva Filho
 

37. Brasileiro: Um Povo Inquieto e Inconformado!

Maria Dalva de Sousa Lima
 

38. Tutela, Liberdade, Responsabilidade e Democracia

Marconi S. Olguins
 

39. (I)Moralidade Pública

Armando Luiz Malan de Paiva Chaves
 

40. Decadência Moral, Intervenção e o Exército

Ney de Araripe Sucupira
 

41. Cidadania e Patriotismo

Armando Bartolomeu de Souza e Silva Filho
 

42. A Responsabilidade Política das Elites

Jorge Maranhão
 

43. Carta de Fé e de Confiança

Sergio Pedro Bambini
44. Crise Moral Brasileira  

Ivan Cosme de Oliveira Pinheiro

 

45. O Novo Brasil Pós-Operação Lava Jato

Sérgio Roberto Braga de Sá
 

46. Legitimidade - Nem tudo que é Legal é Legítimo

Nelsimar Moura Vandelli
 

47. A Surdez Suicida dos Petralhas

Ricardo Vélez Rodríguez
 

48. O Caos do Fim ou o Fim do Caos?

Sérgio Roberto Braga de Sá
 

49. Parada de 7 de Setembro

Roberto Carlos do Vale Ferreira
 

50. A Moralidade Nossa de Cada Dia

Nilo Paulo Moreira
 

51. Chegando ao Porto

Gen Div Gilberto Pimentel
 

52. Chinelo Velho

Gen Pedro Luís de Araújo Braga

 

Compartilhe esta página nas suas redes sociais:

Outras campanhas

CLUBE MILITAR – 130 anos de existência!
CLUBE MILITAR – 130 anos de existência!
Não é uma simples data esse 26 de junho de 2017, não é mais um aniversário de algo envelhecido na poeira dos tempos. Quanta história, quantas realizações a serem rememoradas em prol de um exemplo glorioso de empreendedorismo e vontade de ser útil a uma causa maior.
Educação no Brasil
Educação no Brasil
"Educação: Desafios e Perspectivas diante da Realidade Brasileira"