REVISTA

Novidades, atividades, história.

REVISTA DO CLUBE MILITAR

Editada trimestralmente e disponibilizada em formato impresso, tradicional, e digital.
Os leitores, sócios e todos aqueles que a Revista alcança, podem avaliar o conteúdo, a apresentação, a diagramação e a qualidade do texto, bem como outros aspectos que possam servir para aprimorar cada vez mais as edições. Participe da pesquisa de opinião e contribua para o seu aprimoramento. A Direção e o Conselho Editorial agradecem a colaboração.

  • Clique na imagem da capa para ver o conteúdo. 

Compartilhe:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on twitter
Share on linkedin
Share on facebook
Share on email
Share on twitter
Share on linkedin

HISTÓRICO DA REVISTA DO CLUBE MILITAR

O Clube Militar, a Casa da República, foi fundado em 26 de junho de 1887, como um grêmio composto das classes militares e que tinha por objetivo “advogar os seus direitos, dentro da órbita legal.” Consta da ata de criação que o clube deveria ter uma Revista para veicular as ideias de interesse da agremiação.

Passaram-se 39 anos para que, em 15 de novembro de 1926, fosse lançado o primeiro número da Revista do Clube Militar que tem pautado atender àqueles interesses, congregando os militares das Forças Singulares no desejo de manter a dignidade e a respeitabilidade das Forças Armadas e participantes das grandes causas nacionais; a esta luta agregaram-se civis que propugnam pelos mesmos ideais de manutenção da Democracia, da Soberania, da Unidade Nacional e do Patriotismo.

Ao longo de toda a sua existência, prestes a completar 85 anos, tendo sofrido duas pequenas interrupções, nos idos de 1950/1951 e no período de 1964/1969, vem cumprindo os objetivos almejados por seus idealizadores, contando, para tanto, com a colaboração ativa de artigos escritos por articulistas militares e civis que externam suas opiniões livremente, quer sobre aspectos voltados para a História do Brasil e das Forças Armadas, em especial sobre a Força Terrestre, quer sobre aspectos conjunturais de interesse nacional e internacional.

A Revista do Clube Militar passou por várias transformações não só em relação à periodicidade da expedição, quanto ao aspecto gráfico, este fruto da evolução tecnológica em todo o período considerado.